Falta de pessoal leva a esperas de meio-ano pela reforma

A carência de recursos humanos no Centro Nacional de Pensões – que perdeu metade dos trabalhadores que tinha em 2010 – tem levado a atrasos de meses no início dos pagamentos a recém-reformados.

Ler artigo em: AbrilAbril http://bit.ly/2JOywtj

Anúncios