O intento marroquino de ganhar tempo no conflito do Sahara Ocidental é um objetivo perdido


Fatma El-Mahdi


Argel, 04/09/2017 (SPS)– A secretária-geral da União Nacional de Mulheres Saharauis  (UNMS) e membro do Secretariado Nacional da Frente Polisario, Fatma El-Mahdi afirma em entrevista ao periódico argelino “Al Hiwar” que o intento marroquino de ganhar tempo no conflito do Sahara Ocidental é um objetivo perdido.

Fatma El-Mahdi argumenta que Marrocos vive a nível interno uma situação precária e uma crise que se agrava cada vez mais.

Fatma afirma que já é tempo de convencer a comunidade internacional que o povo saharaui é um povo pacífico que luta para conseguir os seus direitos legítimos à liberdade e à independência.

a secretária-geral da União Nacional de Mulheres Saharauis acrescenta que Marrocos deve colaborar com todas as partes internacionais para se chegar a uma solução justa e pacífica que garanta o direito do povo saharaui à autodeterminação.

Fatma El-Mahdi aborda na entrevista as diferentes fases da luta das mulheres saharauis  e a sua resistência em defender a pátria e os direitos legítimos do povo saharaui, demostrando desta forma ao mundo que a mulher saharaui merece todo o respeito e consideração pelo seu sacrifício e a sua defesa dos valores da liberdade e da dignidade.

Este artigo encontra-se em: Sahara Ocidental Informação http://bit.ly/2eDGHOn

Anúncios