Cuba denuncia boicote dos EUA à Venezuela: “conhecemos essas práticas”

 

1 de agosto de 2017

O Ministério das Relações Exteriores de Cuba denunciou, nesta segunda-feira (31), que os Estados Unidos, com o apoio do secretário-geral da OEA, Luís Almagro, coloca em prática uma operação nociva contra o povo venezuelano e o governo de Nicolás Maduro.

“Cuba denuncia que foi colocada em marcha uma operação internacional, dirigida em Washington, com apoio do secretário-geral da OEA, Luís Almagro, destinada a silenciar a voz do povo venezuelano, a desconhecer a vontade popular, e impor rendição mediante ataques e sanções econômicas”, diz o comunicado.

O governo cubano afirmou, no comunicado, que “conhece muito bem estas práticas intervencionistas” através das quais os Estados Unidos tentam conquistar “submissão do povo a uma oposição financiada que agora promete fazer arder o país”.

A chancelaria cubana reiterou que só os venezuelanos podem dizer como solucionar seus problemas e traçar seu futuro. “Basta de ingerências, de confabulações e traições contra o espírito bolivariano”, diz o texto.

Cuba também reafirmou sua solidariedade “com o povo e o governo bolivariano e chavista, e com a unidade cívico-militar liderada pelo presidente constitucional Nicolás Maduro”.

 

Fonte- Portal Vermelho

Ler artigo em: Associação de Amizade – Portugal/Cuba: Home http://bit.ly/2w2umHv

Anúncios