1ª Canção – Daniel Filipe

1ª Canção
De ti sabes o nome
a hora exacta o martelo no relógio
a escassa visão do tempo novo, a vida
sempre imatura e entanto desejada
 
De ti sabes a calma citadina
a distância entre a casa e o emprego o perfil
da amante
o sabor do café matinal
a maresia súbita.
 
De ti sabes a idade a altura o peso e o vigor
dos músculos a suave atracção
da porta do cinema
a misteriosa voz lunar palavras soltas
gagarine vostok estação espacial
 
De ti sabes os sinais característicos
quando pode ser escrito medido registado
em fichas passaportes cartões de identidade
não sabes da bala da pólvora da arma
não sabes das mãos como as tuas plebeias
erradas mãos do povo
não sabes do medo do ódio da terrível  impotência
 
não sabes da morte antes do tempo
exilado na pátria numa tarde de Maio

Este artigo encontra-se em: voar fora da asa http://bit.ly/2tDsfau

Anúncios