Atos e paralisações contra reformas se espalham pelo Brasil

Até o final desta manhã, o país registrou protestos e greves em 23 estados e o Distrito Federal. A maioria foi às ruas ou cruzou os braços contra as reformas trabalhista e da Previdência, propostas pelo governo de Michel Temer. Em Salvador, Belém, Recife, Goiânia e Brasília, os ônibus não saíram das garagens e as cidades ficaram desertas pela manhã. Portuários de Rio Grande, Angra dos Reis, Rio de Janeiro capital, São Luís, no Maranhão, também aderiram ao movimento. Foram registrados atos no DF e nos seguintes estados: Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Roraima, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo e Tocantins. Confira um resumo das manifestações realizadas na manhã desta sexta-feira (30) pelo Brasil: Alagoas Por volta das 6h, manifestantes bloquearam os dois sentidos da Avenida Fernandes Lima, em Maceió. Também houve bloqueio na Avenida Assis Chateaubriand, no Pontal da Barra. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a BR-101 em Rio Largo, no km 75, foi bloqueada às 5h40 e liberada às 7h40. Rodoviários paralisaram as atividades entre as 8h e 12h. Servidores da Eletrobras e da Companhia de […]

Ler artigo em: PORTUGAL / BRASIL – elcomunista.net http://bit.ly/2t07Tvc

Anúncios