Este homem não é flor que se cheire

Um abutre como
nunca se tinha visto !

 

Este artigo encontra-se em: o tempo das cerejas 2 http://bit.ly/2sTj0UO

Anúncios