Transtejo toma utentes como «vândalos»

Os utentes do Cais do Seixalinho denunciam o «caos» gerado pela supressão de ligações fluviais nos últimos dias e contestam a resposta dada pela Transtejo, que, em vez de barcos, optou por reforçar a segurança privada. «Os utentes não são vândalos», afirmam.

Ler artigo em: AbrilAbril http://bit.ly/2rUBUtD

Anúncios