Contra a Cimeira da NATO

O CGTP-IN juntamente com o CPPC e outras organizações promove no dia 24 e 25 de Maio iniciativas públicas contra a realização da cimeira da NATO.
A NATO tem sido responsável por guerras de agressão a muitos estados soberanos. A NATO e os seus membros foram responsáveis por acções de desestabilização e agressão militar em países da Europa, do Médio Oriente, de África e da Ásia Central – intervenções efectuadas a coberto de falsos pretextos e amplas campanhas de desinformação e mentira e em violação com o direito internacional e da Carta da ONU. A NATO bombardeou a Jugoslávia e é responsável pela guerra que marca hoje a realidade do Afeganistão, do Iraque, da Líbia, da Síria ou da Ucrânia.
Torna-se urgente a dissolução deste bloco político-militar criminoso e o cumprimento do artigo 7º da Constituição que defende a dissolução dos blocos político-militares e o estabelecimento de um sistema de segurança colectiva, com vista à criação de uma ordem internacional capaz de assegurar a paz e a justiça nas relações entre os povos.

As iniciativas desenvolvem-se:

Dia 24 de Maio – Largo de Camões – 18h00

Dia 25 de Maio – Rua de Santa Catarina, junto ao Via Catarina – 18h00

CARTAZNato

Este artigo encontra-se em: Entrada – CGTP-IN http://bit.ly/2rmmrVJ

Anúncios