Da imparcialidade – Mário Quintana

Da imparcialidade

O homem – eternamente escravo de suas paixões pessoais –
É absolutamente incapaz de imparcialidade.
Deus é imparcial.
Ele é que pode, por exemplo,
Abençoar, ao mesmo tempo,
As bandeiras de dois exércitos inimigos que vão entrar em luta…

Este artigo encontra-se em: voar fora da asa http://bit.ly/2pNspxf

Anúncios